• ig
  • wp
  • face
  • email
  • YouTube ícone social

@MEUBORDER | @ESCOLACAOATILA

ESCOLACAOATILA

85.9 9826.6316

MEUBORDER

85.9 9826.6316

  • phone-1459352_960_720

Depoimento dos clientes

Estamos com o tio Átila há mais de 4 anos, quando decidimos ter um Border Collie. A nossa Lucy chegou e era muito rebelde, achava que era dona de si e que não precisava de nós humanos para nada. Chamamos o Átila logo na primeira semana que ela chegou em nossa casa. Com 3 meses de aulas percebemos que a Lucy era uma cachorra educada, meiga, comportada, disciplinada e sua inteligência com o aprender dos comandos foi muito bem trabalhada. Quase 2 anos depois, decidimos ter um Golden. Mais uma vez convocamos o tio Átila. Ele foi fundamental para transformar o Otto no cão que é hoje. Pra raça, ele é super tranquilo, educado e querido demais por todos. O mais o interessante ainda, foi poder ver que o Otto “herdou” da irmã os bons modos aprendidos com esse profissional incrível. Não poderia escolher outra pessoa pra colaborar com a educação e evolução dos meus FILHOS. Átila, obrigada por participar tão positivamente da nossa vida, e por tratar com amor e respeito estes seres que são da nossa família.

Raiza Regadas

Meu sonho sempre foi ter um Golden, então ganhei a Lizzie. Procurei me informar sobre tudo, principalmente, adestramento. Então, por indicação de um amigo, conheço o Atíla. Com o decorrer do treinamento o meu olhar sobre como educar um cão mudou completamente! Pois entendi que eu não precisava punir quando ela fizesse algo errado. Lizzie passeava sem coleira e chamava atenção pelos truques que sabia fazer. Mas, em 2017, Papai do céu levou minha Lizzie pra ele. 

Então decidi ter uma nova golden, chamada Céu. Novamente chamei o Átila, que me ajudou em todo o processo. Ela tem o temperamento bem diferente da Lizzie e estamos aprendendo a lidar com as particularidades dela.  A Céu, que é muito geniosa, se tornou o “desafio golden” do Atila, pois usa a inteligência pra tentar enganar a gente. O diferencial dele?! Ele não adestra um cão sozinho! Ele te ensina a ser o tutor do seu próprio cão! E a expressão dele de felicidade a cada vitória dos nossos “pequenos” traz ele pra dentro do nosso lar. Muito obrigada meu amigo. 

Anabela Evangelista

Sempre quis adestrar o meu cachorro desde filhote, mas a falta de tempo e também a falta de conhecimento e medo de entregar o meu cachorro a maus profissionais, levaram a retardar o treinamento. Tenho um Spitz Alemão de porte pequeno que possui muitos comportamentos característicos da raça como possessividade, territorialidade e latidos altos para todos os barulhos, além de ser um macho. Estava incomodada por não conseguir nem passear com ele pela agressividade dele e pelos latidos. Com 1 ano e 4 meses, vi a necessidade de começar um adestramento, mas com receios se teriamos algum sucesso devido a idade do início e o comportamento do cachorro. Após a primeira semana de adestramento, já notei uma diferença enorme no comportamento dele. Deixou de latir para a campainha, para o interfone e para telefone. Na 8 aula, já estávamos passeando pelo Iguatemi sem ele latir nem avançar para ninguém. A resposta ao treinamento foi excelente, surpreendendo  a todos que o conheciam.

Livia Martins

Quando resolvemos ter a Bali, nossa Golden, ficamos receosos, pois já que moramos em apartamento não seria fácil aliar seu comportamento ao que esperávamos de um cão em um espaço restrito. Ela começou as aulas com o Átila aos três meses, e com sua paciência, profissionalismo e carinho, nossa Bali superou as expectativas, pois aprendeu muito rápido, se tornou uma cadela educada, calma e super adaptada à casa e nossas necessidades. A escola tem um olhar sensível, pois educa com base no estilo de vida dos tutores sem esquecer das necessidades do cão! Recomendo demais!

Karina Lobo

Nossa Sophie (Pastor Suíço) chegou em nossa casa como um presente de Deus. Um amigo nos indicou um número, e entrei em contato. Começamos o treino com a dissimulada e energética Sophie. Inicialmente foi com meu filho Lenderson. Não foi fácil! Paredes, móveis, portas , tudo arranhado. Adorava comer papel higiênico e boleto bancário. Achei que não daria. Mas o Átila dizia que sim. Então começamos a ver os progressos...os comandos de sentar, ficar, dar a pata, de onde fazer xixi e cocô, a energia dela passou a ser canalizada para a diversão e os famosos petiscos. Anos depois, ela estava precisando novamente por outros motivos. Muitas reclamações no condomínio, latidos perturbando a vizinhança e assim mais uma vez chamamos o Atila. Dessa vez, eu passei a treinar junto. Em pouco tempo o resultado surgiu ...calmaria em casa, serenidade, obediência nos passeios e comandos....elogios para ela. Na verdade obrigado mais uma vez ao Tio Átila, a Escola Cão Átila. Esse Tio Átila mudou para melhor a  qualidade de vida da nossa Sophie. Admiramos de montão. Sucesso!

Meiry Morais

Procuramos o Átila logo quando recebemos o Biscoito, nosso Pastor Australiano com 6 meses. Nós os chamamos a nossa casa para nos ajudar nas necessidades sanitárias, cocô e xixi no local correto. Também tínhamos o Ikki, nosso Yorkshire de 9 anos, achávamos que não poderia mais ser educado, ele apresentava muita agressividade com outros cachorros, portanto era uma grande preocupação nossa. Logo após as primeiras aulas com o Átila já foi possível que os dois convivessem melhor e hoje em dia ouso dizer que são até ‘’amigos''. Além disso também conseguimos controlar bastante as necessidades no local correto, tínhamos um grande problema, pois o Biscoito tinha preferência por fazer no apartamento, mas então fizemos algumas aulas com técnicas especificas para que ele fizesse na rua, durante os passeios, e deu muito certo!! Em resumo, o Átila é um encantador de cães! Biscoito e Ikki amam o tio Átila

Patricia Vasconcelos

Começamos o treinamento da Preguiça na mesma semana que a adotamos. Nosso objetivo era que nossa adaptação à nova rotina fosse o mais tranquila possível e que conseguíssemos estabelecer boa comunicação com ela. As aulas com o Átila - e a sua paciência e disposição em tirar nossas dúvidas - foram fundamentais pra isso. Apesar de toda a energia que ela tem (e, acredite, isso ela tem de sobra!), nunca tivemos problemas ou incidentes graves, mesmo ela tendo chegado a nós ainda muito novinha. Continuamos treinando todos os dias e seguindo os conselhos e dicas do Átila - por quem, aliás, a Preguiça é apaixonada.

A ajuda do Átila também foi muito importante na adaptação da Preguiça depois da nossa mudança. Novo apartamento, nova vizinhança, uma cachorra já mais perto de ser adulta, mas ainda bastante ativa; sem a ajuda dele não teríamos conseguido que ela fizesse uma adaptação tão rápida e tranquila. Hoje ela tem uma rotina ativa e nos acompanha na maior parte das atividades mas, quando é preciso, fica sozinha no novo apartamento, entretida, sem demonstrar ansiedade ou agressividade, nem incomodar os vizinhos. Temos só o que agradecer e recomendar a Escola Cão Átila

Ana Luisa e Euclides

d4